Publicidade

terça-feira, 27 de janeiro de 2015 Aberto da Austrália, Rafael Nadal | 18:16

Mudou?

Compartilhe: Twitter

Assistir jogo no meio da madrugada ninguém merece. O Maraucci me diz que chegou às 5h da manha na ESPN para render seja lá quem for e que o jogo entre Nadal e Berdich já era. Naquela hora eu estava tendo todos os tipos de sonhos maravilhosos que um homem pode desejar – e posso garantir que Nadal e Berdich nao fazem parte de nenhum deles. Quando muito alguma bobagem com a Ester Satorova, atrás de seus óculos escuros e fazendo carinha de desamparada.

Entao? Bem, entao o Berdich ganhou do Nadal, algo que nao estava no radar de ninguém, a nao ser de um dos dois. Sim, porque de bobeira tamanha freguesia nao iria para o ralo. Eram 17 derrotas seguidas. Isso é um massacre para a auto estima de qualquer um. E uma injeçao de confiatrix para quem está na outra ponta.

Ou o Rafa entrou duvidando ou o Berdich estava viajando. Como milagres nao existem, é mais fácil acreditar que Nadal piscou e o outro aproveitou. O que nao seria de surpreender pelo tempo que o espanhol ficou longe das quadras.

O jeito que vou acreditar que o Berdich mudou – uma das alternativas acima – é se ele ir lá e ganhar o seu primeiro Grand Slam, algo que ele já deveria ter feito antes. Porque volume de jogo ele tem, mas sempre lhe faltou o que lhe faltava para bater Nadal (tem nome pra isso?). Aí sim eu vou começar a acreditar em papai noel. Mas, por enquanto, me contento se ele bater o MalaMalucoMurray. Esse confronto promete, pois um dos dois terá que vencer. Curiosidade: o checo lidera 6×4, inclusive as duas ultimas, em 2013. A Esterzinha pode ganhar horas extras nas tvs do mundo.

Autor: Tags: