Publicidade

domingo, 13 de maio de 2012 Tênis Brasileiro, Tênis Feminino, Tênis Masculino | 21:57

Transição

Compartilhe: Twitter

Tremendo fim de semana para o tênis brasileiro, se o leitor esquecer por instantes que existe vida além do mundo dos cachorrões, já que Thomaz Bellucci enfrentou o casca de ferida Youzhny na 1ª rodada de Roma e já está fora do torneio mesmo antes da semana começar.

Mas vamos às boas notícias. A paranaense Teliana Pereira, que há tempos vem batendo na trave em sua aventura profissional, venceu o Challenger de Rosário, Argentina. Bateu na final a hermana, o que é ainda mais gostoso, Malien Auroux por 7/5 7/6, uma vitória de oração. Teliana, que deve agoraficar entre as 200 melhores do ranking, é a nossa tenista mais bem classificada.

Talvez mais marcante foi a conquista do gaúcho Guilherme Clezar em Goiás, batendo o experiente chileno Paul Capdeville na final. Clezar é um talento, com ótimos resultados entre os juvenis, que vem lutando para fazer a transição para o profissionalismo com sucesso. O gaúcho, de ainda 19 anos e treinado pelo capitão da Copa Davis João Zwetsch, abriu o evento batendo Ricardo Melo, o que lhe deu confiança para ir até o fim.

Para se ter uma dimensão do tênis apresentado pelo Guilherme, após a derrota, o chileno, ao contrário de muito cachorrão, não só não deu desculpas, como afirmou ter jogado o seu melhor tênis e assim mesmo ter sido superado. Uma boa conquista que, espero lhe traga confiança e motivação para continuar trabalhando duro e atingir novas metas.

Clezar e o troféu conquistado em Águas Quentes.

Teliana, quase 24 anos, melhorando seu tênis e seu ranking.

Autor: Tags: ,